quinta-feira, junho 15, 2006

PARQUES DE ESTACIONAMENTO EM ALFAMA

Não é por falta de Parques de estacionamento que os carros estacionam em cima dos passeios em Alfama. Junto ao rio, na zona sul de Alfama, na área de jurisdição da Administração do Porto de Lisboa (APL), existem actualmente quatro (4) parques de estacionamento públicos, com uma capacidade actual de 1150 lugares. Dois dos parques, um de cada lado da Doca do Jardim do Tabaco, são explorados pela SIENT - Sistemas de Engenharia e Trânsito SA. Os outros dois, em Santa Apolónia, são explorados pela empresa Gisparques - Planeamento e Gestão de Estacionamento, S.A.



Parque do Jardim do Tabaco Explorado pela SIENT, tem capacidade para 600 viaturas (750 depois das obras da EPAL). Segundo a Junta de Freguesia de Santo Estêvão, dos 75 lugares disponibilizados ao abrigo do acordo com a CML apenas 5 foram ocupados.

Tarifário: ½ hora 0.25; 1 hora 0.50; 2 hora 0.50; 3 hora 0.75
Passe nocturno para moradores (20 – 9 horas): 25 – 50% = 12,50 euros.

Passe para os Alunos do ISPA: 30 euros/mês; 15/mês nas férias (2 semanas)

Parque de Sta Apolónia Explorado pela SIENT, tem capacidade para 120 viaturas.

Tarifário: ½ hora 0.25; 1 hora 0.50; 2 hora 0.50; 3 hora 0.75

Parque Sta. Apolónia Explorado pela Gisparques situa-se junto ao rio em frente ao Museu Militar, limitado junto ao rio com grades e arame farpado), tem capacidade para 280 viaturas.
Tarifário: ½ hora 0.25; 1 hora 0.55; 2 hora 0.65; 3 hora 0.65.
Máximo por dia 3 euros;
Avença mensal de 55 euros

Parque Sta. Apolónia – Lux Explorado pela Gisparques situa-se nas traseiras da discoteca Lux, tem capacidade para 150 viaturas e funciona das 22 horas às 06 horas. Quintas, Sextas, Sábados, vésperas de feriados e dias de espectáculos com a tarifa única de 1 euro/ dia

Nos parques de estacionamento da SIENT foram criados 205 lugares de estacionamento a preços especiais, em regime de assinaturas, para residentes na vertente habitacional, bem como de comerciantes, profissionais liberais e de outras entidades que comprovem ter o seu estabelecimento na zona daquelas freguesias que terão de pagar 25 euros ou 37,5 euros mensais, consoante optem por uma avença nocturna ou de 24 horas, competindo à CML o pagamento de 12,5 euros por cada lugar de estacionamento conforme a proposta 400/2003.

O silo de estacionamento das Portas do Sol é o primeiro parque de estacionamento automático do país e tem capacidade para 152 viaturas.
Os preços por hora variam entre os 0,80 euros (primeira hora nocturna) e os 1,50 euros (primeira hora diurna), sendo o custo da avença mensal a partir de 80 euros.

Para além dos parques públicos, existem cinco (5) parques reservados:
1 parque da Marinha, com entrada junto ao rio depois do Terreiro do Paço;
1 parque afecto à PSP no Largo do Museu da Artilharia;
1 parque afecto ao Museu Militar no Largo dos Caminhos de Ferro;
2 parques para táxis, em frente à estação de Sta. Apolónia e em frente ao Lux, com capacidade para mais de 50 viaturas.

  • Câmara cria mais parques junto ao Tejo

  • Associação Nacional de Empresas de Parques de Estacionamento

  • EMEL

  • EMPARQUE

  • SIENT

  • Associação de Cidadãos Auto Mobilizados
  • 1 comentário:

    Filipe Melo Sousa disse...

    Eu é que não deixo lá o carro. Uma zona deserta sem movimento. É porta arrombada na certa quando chegar na manhã seguinte